Em nossas tentativas loucas,

renunciamos a quem somos

pelo que esperamos ser (e talvez nunca seja)